Novo vídeo de falsa enfermeira que vacinou empresários em prédio de luxo no Gutierrez, em BH

Na imagem, mulher conta que comercializa cada dose do imunizante por R$ 600

Por Renato Rios Neto/Rádio Itatiaia

(Foto: Rede Social)

A Itatiaia teve acesso a mais um vídeo em que a falsa enfermeira Cláudia Mônica Pinheiro Torres de Freitas é filmada deixando um prédio de  luxo na Rua João Furtado, no bairro Gutierrez, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, onde teria vacinado ilegalmente mais pessoas contra a covid-19.

No vídeo, Cláudia aparece conversando com uma pessoa não identificada e que teve a voz distorcida. Durante o diálogo, a falsa enfermeira afirma que a suposta vacina ainda não está à venda em laboratórios e que ela comercializa a dose do imunizante por R$ 600.

Um dos moradores deste prédio, que foi vacinado por Cláudia, seria o empresário Marcelo Martins Araújo, proprietário de um Haras na cidade de Florestal. O empreendedor já prestou depoimento à Polícia Federal.

Na ocasião, a defesa dele enviou uma nota afirmando que Marcelo foi ouvido como vítima/testemunha e que esclareceu ter adquirido a suposta vacina acreditando que o imunizante seria da Pfizer.

A nota ainda diz que Marcelo comentou com o empresário Rômulo Lessa sobre a suposta vacina, mas não fez nenhuma indicação do serviço. O empresário ainda se colocou à disposição da Justiça para qualquer esclarecimento.
Este vídeo já está sendo anexado ao processo, de acordo com fontes da Polícia Federal ligadas à investigação.

(Fonte: Itatiaia.com.br/Notícias)
COMPARTILHAR